""Eu segurei muitas coisas em minhas mãos e eu as perdi; mas tudo que eu coloquei nas mãos de Deus eu ainda possuo." Martin Luther King
Quando os ventos de mudança sopram, umas pessoas levantam barreiras, outras constroem moinhos de vento".
Erico Verissimo.

20 comentários:

almaaprendiz disse...

As barreiras evitam a energia das mudanças, os moinhos aproveitam-a.
Bjos.

Leandro Ruiz disse...

"De tropeços , vitórias e quedas se constrói a experiência"

Tenha um ótimo Domingo...
Leandro Ruiz

Guita disse...

Nunca deixes que te falte a fé. Quem exalta a fé, sempre encontra a força. Fique com Deus.

Poseidón disse...

Ola MAYSHA,

en ese viento te siento muy bien por el sexto sentido..

beijos sim stress...

Fernando Santos (Chana) disse...

Belo texto...bela imagem...Espectacular....

Canduxa disse...

Maysha,

vamos aproveitar os ventos da mudança e dar o primeiro passo....os outros se seguirão. Quando dermos conta nossa vida se transformou.

abraço com muita luz

Sônia Silvino disse...

Amiga!
Vamos construir moinhos???
Bjkas!!!

Zen disse...

Amiga esta postagem de Fátima é maravilhosa de muita sensibilidade.Gostei de te ver no Montanha,volte sempre.Bjs.Zen.

Zen disse...

Amiga esta postagem de Fátima é maravilhosa de muita sensibilidade.Gostei de te ver no Montanha,volte sempre.Bjs.Zen.

Maria Emília disse...

E visto que está que ambas as coisas são necessárias, venham os ventos da mudança.
Um beijinho,
Maria Emília

~PakKaramu~ disse...

Pak Karamu visiting your blog

manuela baptista disse...

Maysha

gosto de moinhos
de vento e dos outros
de maré!

Comoveu-me, ter rezado em Fátima pelos seus amigos virtuais...

Solte as velas e seja feliz!

um abraço

Manuela

Psiquismo Desmistificado disse...

OLá minha amiga
Grande Veríssimo, não é mesmo
Essa é uma grande verdade, pois as escolhas são individuais.
Parabéns, pois seus blogs são ótimos.
*nota-vale a pena assistir o filme, pois traz grandes mensagens
Fique bem
Beijos
Seu amigo
PD

Anónimo disse...

Como vai a minha amiga querida? mais animadinha?
Sei que vais aproveitar os ventos de mudança e construir o mais belo moinho que jamais se viu. às vezes as mudanças são oportunas, trazem aberturas para coisas e momentos melhores, quem sabe...
Vai em frente e derruba os muros, como tu sabes fazer, sem te deixares abater.
Beijos amiga
Mara

Fernanda disse...

Olá amiga,

Estou aqui pela mão da amiga Maria Emília.
Já nos vimos em muitos lados, acho que podemos ser boas amigas, se aceitar...

Estou mais do que nunca à espera de ventos de mudança.
Sei que não é o que está implícito, aproveitei a deixa.

Em condições normais eu construiria um moinho de vento, por todas as razões e mais uma, são lindos!!!

Abraço,

Vida*** disse...

Sim,qdo sentimos os ventos extremecemos de emoção...Sentimos no nosso mais intimo...que ele esta ali..só nós o vemos e sentimos...é de extremecer...Ele sabe que eu o senti...ao observar detalhes que ninguem os ve !!! Tantos passaram por aqui e nem olharam!!! Passaram e não me viram!!! Só devo agradecer a Deus...

A.S. disse...

Maysha...

Esta tua metáfora é um excelente tema para reflexão!
Eu próprio encontro duas respostas, igualmente afirmativas. Depende do risco que se quiser correr!!!


Beijos...
AL

Andradarte disse...

Olá Amiga...que ausência...?
O melhor é construir moínhos, nada
de barreiras....

Beijo

Sônia Silvino disse...

Estou com saudades, amiga!!!
Bjkas!

Maria Tereza Venzke disse...

Olá Maysha,

Vim retribuir a visita e parabenizá-la pelo espaço aconchegante q vc criou.

Para "selar" nossa amizade,apanhe no meu blog o selinho q tenho p/ vc.

http://despertandonaluz.blogspot.com/2010/04/irmas-de-alma-peguem-seu-selo.html

Beijos de luz no seu coração.

Tereza